Leiva Araújo
A leitura só se torna livre quando se respeita o direito de escolha do 
leitor, quando se leva em consideração “o prazer ou a aversão de cada 
leitor em relação a cada livro. Ou seja, quando não se obriga toda uma 
classe à leitura de um mesmo livro”, Lajolo (1993, p.32). 
edit post
Opine: 
0 Responses

Postar um comentário